SindusCon-SP lança publicação “Gestão ambiental de resíduos da construção civil” durante o 9º Concrete Show South America

0
341

Documento apresenta avanços no segmento, além de orientações sobre uso de resíduos em canteiros

O Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP), por meio do Comitê de Meio Ambiente (Comasp), lançou a publicação “Gestão ambiental de resíduos da construção civil – avanços institucionais e melhorias técnicas” durante o seminário “Resíduos de construção civil – avanços obtidos nos 13 anos da Resolução Conama 307/2002”, no dia 26 de agosto, na 9ª edição do Concrete Show, que acontece no São Paulo Exhibition & Convention Center.

O trabalho foi dividido em duas partes. A primeira trata dos avanços na gestão de resíduos de construção civil desde a publicação da Resolução Conama 307/2002. Além disso, apresenta o Sistema de Gerenciamento Online de Resíduos Sólidos – Módulo Construção Civil (Sigor), que faz parte de uma ação realizada pelo SindusCon-SP e a Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb) para gerenciar as informações sobre os fluxos de resíduos de construção civil no Estado.

Já a segunda parte é resultado de um levantamento realizado em doze canteiros de obras tanto de edifícios residenciais quanto comerciais. A partir disso, foram identificados indicadores de geração de resíduos e alternativas para reúso e reciclagem.

O vice-presidente do SindusCon-SP, Francisco Vasconcellos, explica que “o objetivo foi elaborar um conjunto de orientações sobre uso de resíduos em canteiros com base nas práticas de reúso e reciclagem, considerando critérios de desempenho (qualidade do material, especificação de projeto e técnicas de execução) e gerenciamento dos riscos associados a essas práticas”.