Prêmio Brasil-Alemanha de Inovação reconhece Braskem Maxio por sua inovação tecnológica

0
147

Reconhecimento do selo é resultado das melhorias de desempenho e eficiência energética garantidas pelas resinas

A Braskem, maior petroquímica das Américas e líder mundial na produção de biopolímeros, foi a vencedora da terceira edição do Prêmio Brasil-Alemanha de Inovação. O reconhecimento é uma iniciativa da Câmara Brasil-Alemanha para valorizar produtos e processos realizados por empresas brasileiras e alemãs instaladas no Brasil. A petroquímica foi reconhecida com o case Braskem Maxio na categoria “Desafio”, que recebeu o total de 50 projetos inscritos de inovação tecnológica, voltados a geração e uso eficiente de energia.

Lançada há três anos, a linha Maxio é composta por resinas de alto desempenho que agregam vantagens como: aumento de produtividade, redução do consumo energético e menor peso em produtos finais, garantindo mais eficiência e, consequentemente, ganhos ambientais. Somente no último ano, 160 novos clientes aderiram ao portfolio da linha, que registrou vendas de aproximadamente 120 mil toneladas e está presente em 14 segmentos de mercado, entre alimentício, automotivo, construção civil, higiene e limpeza.

“A inovação é um dos pilares de atuação da Braskem e norteia todos os processos produtivos da companhia. Quando criamos o selo Maxio, nosso objetivo era assegurar que essa inovação chegasse aos nossos clientes e fosse percebida também nos produtos finais. Estamos muito satisfeitos com esse reconhecimento. É mais um incentivo para mantermos a nossa estratégia de pioneirismo aliado ao desenvolvimento sustentável”, afirma Walmir Soller, diretor do Negócio de Polipropileno da Braskem.

Os diferenciais das resinas já foram comprovados por diversos clientes da companhia, como a fabricante de móveis Tramontina, que reduziu os custos de produção em cadeiras plásticas, e a produtora de utilidades domésticas São Bernardo, que diminuiu em 21% o consumo de energia, além de reduzir em 12% o perfil de temperatura aplicada ao processo industrial dos recipientes. Os benefícios do selo também podem ser consultados no aplicativo para smartphones Braskem Maxio, que calcula as vantagens de utilizar o portfólio em processos de injeção.

Além de reunir os principais cases de sucesso do selo Maxio, a Braskem apresentou no prêmio a nova resina de EVA (copolímero de etileno e acetato de vinila) que permite a confecção mais rápida e sustentável de calçados esportivos, extinguindo o processo de cura com raios ultravioleta (UV) na colagem de solas. Com a mudança, é possível eliminar a emissão de ozônio no processo e reduzir em até 26% o custo desta etapa de produção.